EJA MOINHO

O Povoado do Moinho é uma comunidade rural situada a cerca de 12 km do município de Alto Paraíso de Goiás – GO e integra seu território. É principalmente formada por descendentes e remanescentes quilombolas, e por pessoas que se mudaram para a comunidade por diversas razões ao longo do tempo. Os moradores têm diferentes crenças, interesses e origens, mas a receptividade dos nativos quilombolas permitiu que a comunidade se desenvolvesse de forma harmoniosa.

O início do processo de reconhecimento quilombola desta comunidade é recente, sendo que apenas em 30 de dezembro de 2015 foi publicada no Diário Oficial da União (Seção 1, pág. 23) a portaria nº 201 de 29 de dezembro de 2015, pela qual o Estado Brasileiro, por meio da Fundação Cultural Palmares – órgão responsável, reconhece a Comunidade Povoado Moinho, como remanescente de quilombo (Processo nº 0.1420.013360/2014-05).

A fertilidade e a abundância de recursos hídricos e minerais do território, além da tranquilidade e boa qualidade de vida, atraem muitas pessoas com médio e alto poder aquisitivo, que compram terrenos e se instalam (ou apenas constroem) na região. Estes por muitas vezes empregam a comunidade nativa, principalmente de maneira informal, para trabalhar na construção, limpeza/manutenção e produção agrícola e/ou de produtos diversos.  Devido a isto e aos vários processos civilizatórios, muito da identidade cultural se perdeu.

Grande parte da população nativa não estudou ou não concluiu os estudos, o que justifica a grande procura pela Educação de Jovens e Adultos. O acesso a uma educação formal de qualidade é uma das principais demandas destas pessoas, fato que ficou muito evidenciado nas reuniões realizadas para escuta da comunidade. Se destacou o interesse em atividades de cultura, lazer e formação continuada – principalmente voltadas à geração de renda. A atuação do IPEARTES na comunidade se estende para públicos de todas as idades, nas áreas de educação (formal, não formal e informal), arte, cultura e sustentabilidade, estimulando o empreendedorismo e cooperativismo, por meio de cursos e parcerias para apoio técnico, reconhecendo, valorizando e preservando a cultura tradicional e as identidades culturais dos sujeitos no processo de ensino-aprendizagem.

OBJETIVO GERAL

  • Promover o empoderamento e autonomia da população, com ações para todas as idades nas áreas de educação (formal, não formal e informal), arte, cultura, sustentabilidade e projetos de geração de renda.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Promover o acesso à educação formal através da Educação de Jovens e Adultos (EJA);
  • Estimular o empreendedorismo e cooperativismo por meio de cursos e parcerias para apoio técnico;
  • Reconhecer, valorizar e preservar a cultura tradicional e as identidades culturais dos sujeitos no processo de ensino-aprendizagem;
  • Construir ações pedagógicas com os sujeitos, respeitando seus conhecimentos prévios, trajetos, memórias, experiências, posicionamentos, a fim de fortalecer suas identidades e subjetividades.

AÇÕES DESENVOLVIDAS

BALANÇO 2018 – COMUNIDADE DO MOINHO

RESULTADOS ALCANÇADOS

  • Foram oferecidos 9 cursos, com 133 encontros pedagógicos e 126 participantes;
  • Em relação ao diagnóstico, foi possível mapear interesses e necessidades da comunidade, assim como verificar que atividades mais práticas e dinâmicas funcionam melhor para cursos e oficinas;
  • Os aulões e cursos oferecidos no primeiro semestre auxiliaram na formação de vínculo entre os educadores do IPEARTES e as pessoas da comunidade, e atenderam a necessidade de acesso à educação que tanto ansiavam;
  • Houve uma mobilização dos artesãos e entendimento da importância do comprometimento com a criação de um projeto comunitário de artesanato local que traga elementos da cultura local;
  • As atividades oferecidas às crianças durante o período das aulas possibilitou a participação de algumas mulheres e casais que tinham interesse em retornar aos estudos.
Tamanho da fonte
Contraste